Artigos


Compreender nossos limites


Terça-feira, 17 de julho de 2018


Imagem | Compreender nossos limites

A reflexão desta semana é muito pertinente: sermos compreensivos com nossos limites. Não é difícil escutarmos comentários do tipo “nossa, como o ano está voando?!”. Os dias contêm as mesmas 24 horas de sempre, porém, a nossa rotina mudou, e muito.
 
Perceberam como nossos dias se tornaram corridos? Quase que cronometrado nossas atividades diárias, caso contrário, viram um amontoado de coisas. Corremos tanto que temos descuidado de coisas fundamentais como a nossa fé, nossa saúde, nossa família. Quase não sobra tempo para o lazer e as boas risadas. E os problemas se apresentam com uma grande onda pronta a engolir o navio. Que loucura!
 
Nesta agitação toda esquecemos nossos limites. Trabalhamos além da conta, nos cobramos sem compaixão. Tornamo-nos incompreensíveis consigo mesmo passando a nos culpar por situações que fugiram de nosso controle.
 
Talvez seja a hora de reavaliarmos nossas prioridades, rever com o que temos gastado nossos dias. Há pessoas que trabalham tanto, mas não conseguem ver seus filhos crescerem. Há pessoas que correm tanto que não têm tempo de dizer o quando ama a namorada ou namorado. Corremos tanto, e para quê? Os bons momentos que não foram vividos não voltarão mais, assim como aquela viagem, aquele jantar, aquela garrafa de vinho entre amigos. Precisamos nos lembrar que temos limites; é hora de afrouxar um pouco a gravata antes que percamos tudo que realmente vale apena nesta vida.
 
A lição que fica é tentar refazer nosso horário. Sair para jantar com os amigos ou em família, sentar no chão e brincar com as crianças, levar a namorada ou esposa para um passeio, a pé, sem pressa e cobrança. A vida precisa voltar a ser vivida de forma natural e não no limite. Deus te abençoe!
 

Comentários



Sobre o Autor


Padre Thiago Freitas dos Reis

Pe. Thiago é pároco da Paróquia Bom Jesus em Barretos. E-mail: thiagofdreis@hotmail.com 

Artigos do Autor