Artigos


O olhar compassivo revela o caminho para o sentido da vida


Terça-feira, 11 de fevereiro de 2020


Imagem | O olhar compassivo revela o caminho para o sentido da vida

Em sintonia com a Campanha da Fraternidade (CF) deste ano, que traz como tema "Fraternidade e vida: Dom e Compromisso", e o lema "Viu, sentiu compaixão e cuidou dele", inspirada na passagem do bom samaritano relatada no evangelho de São Lucas (Cap. 10, 25-37), somos convidados pela Igreja através deste tema, justamente no tempo quaresmal, tempo de conversão, a refletir sobre o dom da vida e o significado mais profundo e sagrado que ela contempla.
 
A cada ano a CF nos aponta um caminho social e atual emergente para ser percorrido e refletido na Igreja e na sociedade a fim de que se estabeleça e trabalhe pontos críticos que denigrem a vida humana desvalorizando o seu sentido e sua dignidade como: formas de exploração, marginalização, violências e tudo aquilo que ameaça a vida fraterna e a realidade de que na verdade todos são irmãos e assim deve haver uma relação de cuidado uns para com os outros e não atitudes pautadas pela destruição, a falta de amor e a indiferença que gera morte.
 
No caminho a ser percorrido neste ano, em se tratando da vida como um dom de Deus, a proposta muito bem organizada pela Igreja através do chamado livro texto-base, nos traz um lindo tratado sobre as características da compaixão que norteia todo o sentido da vida humana através da passagem do Bom Samaritano.
 
Outra linda característica apresentada como modelo é a de Santa Dulce dos Pobres. Sabe-se que na ocasião da montagem do cartaz que ilustra o tema da CF, a equipe responsável buscava a imagem de alguém para representar o bom samaritano na atualidade, e assim pensaram logo em Santa Dulce, a primeira santa brasileira que inspirou o Brasil a promover atitudes de compaixão e respeito ao ser humano, com seu modelo de vida e de cuidado, conseguindo fazer de um galinheiro um hospital.
 
Ao longo dos próximos encontros através dos artigos será apresentado uma breve reflexão sobre os sete olhares da compaixão, presentes no texto-base da CF 2020, na parte do julgar que retrata justamente o conceito da compaixão, inspirada na Palavra de Deus e no magistério da Igreja.
 
Que o tempo da Quaresma que se aproxima nos possibilite a fazer esta experiência que a Igreja nos propõe através da CF, e nos torne pessoas melhores, capazes de olhar para a realidade do mundo com olhos do bom samaritano; um olhar de compaixão, de cuidado e respeito pela dignidade da vida humana. Santa Dulce dos pobres rogue a Deus por nós!
 

Comentários



Sobre o Autor


Seminarista Daniel Canevarollo

Daniel cursa o 2º ano de Teologia no Seminário Sagrado Coração de Jesus em São José do Rio Preto. E-mail: danielcanevarollo@gmail.com

Artigos do Autor